quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Autoritarismo na gestao ambiental de Fortaleza

Por Deodato Ramalho: Utilizando o tempo da liderança partidária, na manhã desta quarta-feira, 4, o vereador Deodato Ramalho (PT) repudiou uma atitude da Secretária de Urbanismo e Meio Ambiente, Águeda Muniz. Segundo ele, a gestora o impediu de falar durante audiência com o Conselho Gestor da Sabiaguaba.
De acordo com o vereador, a reunião tratava da construção da estrada da Sabiaguaba, quando Deodato pediu para falar e a Secretária não permitiu. Ele disse que ainda na tentativa de opinar, ela colocou em votação ao Conselho, se o vereador podia ou não falar.
“Lamento isso, porque sempre o cidadão que comparecia à reunião tinha o direito a voz e eu fui impedido de falar. Passaram por cima do Plano de Manejo e conseguiram a anuência para a estrada da Sabiaguaba, afirmando que aquele local não se trata de área de conservação ambiental”, declarou o vereador, comentando sobre a decisão tomada durante reunião.
Em aparte o João Alfredo (PSOL) se solidarizou com o vereador Deodato e disse que a Casa deve tomar uma providência. “A secretária quando vem à Casa é muito bem tratada, inclusive, foi homenageada no Dia do Meio Ambiente”, disse o vereador do PSOL.
Fonte: Câmara Municipal de Fortaleza
Acesse o site do Vereador Deodato Ramalho(PT/Fortaleza): http://www.deodato.org.br/
Twitter: @deodatoramalho

Nenhum comentário: